Get relevant information on mobile marketing delivered to your inbox.
Back to blog

O que é IA e como usá-la para impulsionar a sua marca

O que é IA e como usá-la para impulsionar a sua marca

Se alguém nos perguntar o que é IA, pode ser que não saibamos bem como responder. Até porque, atualmente, a Inteligência Artificial é uma das áreas mais dinâmicas e fascinantes da ciência da computação — e, por isso, igualmente complexas e em constante transformação. 

Além disso, é quase impossível não encontrar IA em tudo o que fazemos. De aplicativos de navegação às redes sociais, e até mesmo na escrita de um simples e-mail, a IA está por toda parte. 

De fato, não é exagero afirmar que a IA está transformando nossa sociedade. 

É por essa razão que a Inteligência Artificial tem se tornado indispensável para as empresas que, mais do que inovar, desejam sobreviver em um cenário de revolução digital altamente competitivo.

E o que é IA, exatamente? De que forma a tecnologia pode impulsionar o seu negócio?

Fique conosco e continue a leitura para descobrir.

O que é IA?

A IA, abreviação de Inteligência Artificial, representa um campo da ciência dedicado ao estudo e ao desenvolvimento de máquinas com a capacidade de executar tarefas humanas de maneira autônoma, abrangendo desde atividades manuais até as que requerem análises e tomadas de decisão.

Os exemplos de Inteligência Artificial são inúmeros. Dentre os mais corriqueiros, temos: 

  • assistentes virtuais;
  • chatbots;
  • reconhecimento facial;
  • tradução automática;
  • sistemas de recomendação de produtos;
  • aplicativos de navegação;
  • segurança cibernética.

Como funciona a Inteligência Artificial?

Entender como funciona a Inteligência Artificial é um tanto complexo, pois ela é viabilizada por meio da combinação de diversas tecnologias avançadas, como redes neurais artificiais, algoritmos sofisticados, machine learning, deep learning, processamento de linguagem natural e outras técnicas inovadoras.

A partir da união dos recursos acima, a IA pode apresentar uma série de habilidades que se assemelham ao comportamento humano, como:

  • aprendizado;
  • resolução de problemas;
  • compreensão da linguagem;
  • tomada de decisões;
  • reconhecimento de voz e imagem;
  • percepção;
  • criatividade.

Como surgiu a tecnologia IA?

A tecnologia IA surgiu ao passo que os avanços em computação, matemática, teoria da informação e lógica digital se combinaram ao longo do tempo. 

Ainda assim, existe um personagem importante que contribuiu fortemente para o conceito de IA que conhecemos hoje: Alan Turing

Turing foi um cientista britânico que estudou profundamente a possibilidade matemática da inteligência computacional. Ele defendeu que máquinas poderiam realizar tarefas inteligentes usando dados e razão, semelhantes aos humanos.

Em 1950, Turing publicou o artigo “Computing Machinery and Intelligence“, onde discutiu como construir máquinas inteligentes e como testar sua inteligência. 

O artigo é considerado um marco importante no surgimento da IA como campo de estudo e pesquisa, sugerindo insights sobre como funciona a Inteligência Artificial e como construir uma máquina inteligente.

Não é tão complicado entender o que é IA, certo? Então, agora, vamos nos aprofundar um pouco mais e conhecer os três principais tipos de Inteligência Artificial.

Exemplos de Inteligência Artificial

Existem três principais tipos de Inteligência Artificial que são exemplos perfeitos para entendermos melhor como ela funciona. São eles:

  • ANI (Inteligência Artificial Estreita): também conhecida como IA fraca, a ANI diz respeito a sistemas inteligentes projetados ou treinados para realizar tarefas e resolver problemas específicos. Os exemplos de Inteligência Artificial ANI mais notáveis são os assistentes de voz e o ChatGPT, que podem responder a determinados comandos e consultas, porém, tem inteligência limitada ao escopo de suas tarefas designadas.
  • AGI (Inteligência Artificial Geral): a AGI, ou IA forte, é um conceito hipotético que representa uma máquina capaz de entender e executar tarefas com base em sua experiência acumulada, de forma muito próxima ao nível de inteligência humana. As habilidades incluiriam a capacidade de raciocinar, aprender com diversas situações, ter senso crítico e adquirir conhecimento de forma autônoma. A AGI é o objetivo final dos estudos em IA, visando a criação de máquinas verdadeiramente autoconscientes. 
  • ASI (Superinteligência): representa o cenário mais próximo dos filmes de ficção científica, em que a IA supera, em todas as formas, a inteligência humana. A ideia de ASI levanta questões profundas sobre ética e controle, uma vez que a superinteligência poderia tomar decisões independentes e autônomas, possivelmente afetando o destino da humanidade.

Quais os benefícios da IA?

Os benefícios da IA são inúmeros. Para as empresas, as vantagens incluem mais eficiência operacional, tomada de decisão aprimorada, melhor experiência do cliente, simplificação da análise de dados, escalabilidade, ampliação da automação e redução de erros. 

Não à toa, 85% das empresas consideram adotar a IA nos próximos anos.

Como utilizar a Inteligência Artificial em uma empresa?

Agora que você já entendeu o que é IA e seus benefícios, chegou o momento de saber como a sua empresa pode se beneficiar dessa estratégia.

Chatbots 

Os chatbots conversacionais são mecanismos que, por meio de IA, são capazes de ter uma conversa de modo semelhante ao humano. 

A ferramenta tem sido amplamente implementada por marcas dos mais diversos setores para automação do fluxo de trabalho de atendimento ao cliente e vendas.

Com um chatbot impulsionado por IA, é possível fornecer suporte ininterrupto ao cliente, já que estão disponíveis 24 horas por dia, 7 dias por semana, e podem responder a perguntas frequentes e até mesmo auxiliar na conclusão de vendas.

Análise de dados

Se existe um aspecto em que a IA supera a inteligência humana, é a habilidade de coletar e interpretar um grande volume de dados de forma rápida e precisa. 

Aqui na CleverTap, por exemplo, usamos machine learning para agrupar dados de clientes de fontes off-line e on-line, processando milhões de informações para executar consultas avançadas enquanto os usuários interagem com as marcas dos nossos clientes em tempo real.

Segmentação de clientes avançada

Já parou para pensar que sua marca tem segmentações ocultas de clientes? 

Manualmente, é quase impossível identificá-las. Entretanto, com auxílio de IA, você pode usar algoritmos para realizar segmentações ainda mais precisas e conhecer perfis de consumidores que você talvez nunca tenha imaginado.

Na solução da CleverTap, aplicamos recursos avançados de IA que fornecem insights relevantes dos clientes e automatizam a segmentação de usuários para criar campanhas direcionadas que realmente geram receita. 

Ou seja, investir em Inteligência Artificial é imprescindível para a lucratividade do seu negócio.

Engajamento

Se quiser levar o engajamento de clientes para o próximo nível, é essencial investir em IA. 

Com a  Inteligência Artificial, você pode mapear o comportamento dos clientes em tempo real e enviar mensagens verdadeiramente relevantes e personalizadas. Dessa maneira, cada interação com a sua marca será significativa e impactante, otimizando o ciclo de vida de ponta a ponta.

Nesse sentido, a IA é a ponte entre a inteligência e a empatia, permitindo que sua marca tenha profundidade emocional em sua comunicação em grande escala.

Quer experimentar o que é IA na prática? Então você precisa conhecer todo o poder da CleverTap e ver, por si mesmo, como a Inteligência Artificial pode ser decisiva para o engajamento de clientes.

Clique aqui e agende agora mesmo uma demonstração gratuita da CleverTap!

Posted on April 30, 2024